sábado, 3 de setembro de 2016

The Book Is On The Table

"The Book Is On The Table", esta você já conhece, certo?

Quer dizer "O livro está na mesa".
Claro, também "sobre a mesa" ou "em cima da mesa" servem igualmente, e tanto faz, aqui.

Escolhi esse "The book is on the table" porque é uma frase bem conhecida e servirá para você GARANTIR o verbo To Be com o significado de 'estar' conjugado na terceira pessoa do singular no presente, no passado, no futuro e no condicional, através da repetição bem mecânica onde você vê isso acontecer de acordo com um padrão muito regular, perfeitamente previsível.

Pois é, simples desse jeito.

1 - "The book is on the table" = "O livro está na mesa"

Agora, vamos expandir a sentença básica simplesmente declarando a cor (azul) do livro, que naturalmente continua na mesa, assim:

2 - "The blue book is on the table" = "O livro azul está na mesa"


Expandir ainda a sentença anterior, declarando agora em qual mesa o livro azul está (nesta mesa), fica assim:

3 - "The blue book is on this table" = "O livro azul está nesta mesa"


Pois bem, se o livro azul da frase anterior está nesta, então ele não está naquela mesa, o que em inglês dizemos assim:

4 - "The blue book is not on that table" = "O livro azul não está naquela mesa"

Detalhe: para negar qualquer afirmação que contenha uma forma simples do verbo To Be (aqui sempre em negrito para facilitar o reconhecimento e a localização) basta colocar a palavra 'not', que é 'não', imediatamente depois dele.

Mas para conferir, faremos uma pergunta para saber se o livro azul está nesta mesa. Precisaremos trazer a forma simples do verbo To Be para a primeira posição, e a pergunta fica assim:

5 - "Is the blue book on this table?" = "O livro azul está nesta mesa?"

A resposta curta positiva é:

6- "Yes, it is" = "Está"

Façamos também a pergunta para saber se o livro azul está naquela mesa. O verbo To Be vem para a primeira posição, e a pergunta fica assim:

7 - "Is the blue book on that table?" = "O livro azul está naquela mesa?"

A resposta curta é:

8 - "No, it is not" = "Não está"


Só com isto, já fizemos uma frase banal e bastante conhecida como "The book is on the table" nos ensinar o presente simples do verbo To Be para a terceira pessoa do singular.

Revendo tudo isso só em inglês:

1 -"The book is on the table"

2- "The blue book is on the table"

3 - "The blue book is on this table"

4 - "The blue book is not on that table"

5 - "Is the blue book on this table?"

6 - "Yes, it is"

7 - "Is the blue book on that table?"

8 - "No, it is not"


Sobre este modelo agora sabido, construiremos o passado simples do verbo To Be na terceira pessoa do singular.
Pego o modelo acima e copio tudo, em seguida troco cada is (está) por was(estava) É só isso, mesmo.

E temos:


1 - "The book was on the table"

2 - "The blue book was on the table"

3 - "The blue book was on this table"

4 - "The blue book was not on that table"

5 - "Was the blue book on this table?"

6 - "Yes, it was"

7 - "Was the blue book on that table?"

8 - "No, it was not"

Com este padrão paradigmático, acredito que você já pode traduzir todas as novas sentenças, lembrando que basta substituir todos as ocorrências de está presentes no primeiro modelo por estava. Fácil?

Vamos agora para o futuro, na forma que em português se chama futuro do presente.


1 - "The book will be on the table"

2 - "The blue book will be on the table"

3 - "The blue book will be on this table"

4 - "The blue book will not be on that table"

5 - "Will the blue book be on this table?"

6 - "Yes, it will"

7 - "Will the blue book be on that table?"

8 - "No, it will not"

Observar apenas que esta forma já não é mais simples, emprega um auxiliar que marca o futuro (will) + be.
Na negação, a palavra NOT entra logo após a partícula Will, então will not be é não estará.
Na interrogação, é a partícula que se desloca para a posição inicial, o resto fica exatamente onde estava.
Você também já pode traduzir todas as novas sentenças acima, lembrando que basta substituir todos as ocorrências de está presentes no modelo inicial por estará. Fácil ainda?


Para completar, vamos agora para o condicional, que em português se chama futuro do pretérito.


1 - "The book would be on the table"

2 - "The blue book would be on the table"

3 - "The blue book would be on this table"

4 - "The blue book would not be on that table"

5 - "Would the blue book be on this table?"

6 - "Yes, it would".

7 - "Would the blue book be on that table?"

8 - "No, it would not".

Observar apenas que esta forma também não é simples, emprega um auxiliar que marca o condicional (would) + be = estaria.
Na negação, a palavra NOT entra logo após a partícula WOULD, então would not be é não estaria.
Na interrogação, é a partícula WOULD que se desloca para a posição inicial, o resto fica exatamente onde estava.
Para traduzir todas as novas sentenças acima, lembrar que basta substituir todos as ocorrências de está presentes no modelo original por estaria.